16 junho, 2008

57

divulg

Lançamento da Fusão

Chega a São Paulo neste sábado(21) a Fusão, uma publicação independente editada em Recife desde 2005. Concebida por um coletivo de artistas, a revista-zine utiliza o código urbano representado pela estética dos zines para documentar e disseminar experimentações da forma imagética. Para tanto diversas linguagens são ‘fundidas’: quadrinhos, artes visuais, poesias, textos.
Mais de 100 pessoas participaram das edições durante esses 4 anos, o que revelou novos talentos, e que propiciou a fundação da primeira editora de zines do país, a Livrinho de Papel Finíssimo.
Considerado o principal fanzine de Pernambuco pelo jornal Diário de Pernambuco, a 19ª edição (pois começa no numero 0) da Fusão será pela primeira vez lançada na cidade de São Paulo na livraria HQ Mix. O lançamento contará com a presença da apresentação dos Sound System Georges (São Paulo) e Jecatrom (Taubaté).
Nesta edição : HKE..., Clara, Moa, Kelly, Jarbas, Rodrigo Rodrigues e Greg.

SERVIÇO:
O que: Lançamento da 18ª Fusão com os Sound System Georges e Jecatron.
Onde: Livraria HQMIX, Praça Roosivelt, 142, Centro
Quando: 21/06/2008, ás 19:30 até o último visitante

10 comentários:

victordilorenzo disse...

fuderístico

hke>>> disse...

divulguem ao maximo de pessoas :D ...... vai ser muito fuderistico !!!!

Talita disse...

MINHA MÃE VAI XINGAR MAS EU VOU!!!
(é que tem mais de mês que não vejo minha família e vou estar em Sampa bem quando os jecas tocam... não ir é pecado!!)

caio disse...

"primeira editora de zines do país"
que é isso??????? fala sério!
é trote isso???? ou os amigos só conhecem o próprio umbigo?????
lamento.

caio disse...

"primeira editora de zines do país"
que é isso??????? fala sério!
é trote isso???? foi muita droga? ou isso é coisa daquele cara que é o herói do próprio livro de História? alguém pode explicar pra ele do que é feito um zine? putz, essa doeu nos culhões!

victordilorenzo disse...

o esquema da livrinho foi reunir e instigar a criação de zines no recife. não incorporar o lance numa empresa lucrativa e transformar num lance mercadológico. pelo menos foi isso q eu vi por la e tomei por entendido.

o lance da "editora", eu acho q os caras fazem é propor subsidio pra um cara com um zine publicar.e é válido. devia é rolar várias.

hke>>> disse...

é porai ....... editora é so por conta que esistem varias pessoas trampando para que saia os zines ......porem ninguem ganha nada para publicar como se fosse uma coperativa ....... porem a livrinho tem um corpo editorial e uma maquina de xerox ...... pessoas que trampam sem lucro para fomentar a ideia de outras pessoas de forma libertaria e fornecendo tudo a preço de custo 6 centavos a copia tirando 200 exemplares por zine isso pode ser chamado editora isso pode ser chamado de zine !

hke>>> disse...

é meu amigo acho que se os zineros de uma cidade se unem e concegem uma maquina de xerox eles podem se ititular edtora mas naão a edtora que paga inpostos e sim uma edtora que esta a margem das outras uma edtora que não deve nada ao mercado apenas publica o que der na telha ...... apenas um passo para uma mini revolução grafica ....... não sei se vc sabe mas o crumb fes isatamente isso com a zap ...... e conceguiu destribuir para toda america

hke>>> disse...

e sim tomamos muitas drogas ..... porem trabalhamos para que a publicação independente alcance um raio jamas imaginado por um zineiro

hke>>> disse...

ate porque não é apenas uma revista ...... ja publicamos 40 zines de expreçoes diferentes e diferentes grupos e pessoas ..... é uma media de 200% de zines publicados ao ano em recife ..... continuarei trabalhando para que um zine não morra na vontade ou na falta de dinheiro ou ate criando zines coletivos para pocives zineiros ...... não fique chatiado se essa é uma logica que vai alem da tua comprienção o muvimento punk criou a liguagem e agente fas ela crecer e não ingeça